Panasonic AG-CX350 – A primeira câmera com conectividade NDI|HX

Câmera Panasonic AG-CX350

A Panasonic esperou a Consumer Electronic Show 2019 terminar para apresentar uma novidade adorável no segmento de câmeras leves. A camcorder de mão AG-CX350 grava 4K60P HDR 10-bit usando o codec HEVC e tem conectividade para transmissões ao vivo apoiadas no padrão NDI|HX.

Esta combinação de alta qualidade de gravação com a conectividade do Network Device Interface (NDI), desenvolvido pela NewTek, é inédita e pode estabelecer um novo padrão no mercado. Podemos dizer que a Panasonic reuniu um pouco de tudo o que os videomakers, emissoras e produtores de eventos valorizam em uma câmera com menos de dois quilos, lente fixa e preço aceitável: Aproximadamente US$ 3695,00 nos EUA.

Sua lente integrada vai de 24,5mm a 490mm, tem zoom óptico motorizado de 20x e ativando a função i.Zoom é possível atingir 32x em HD e 24x em UHD, com uma pequena deterioração (esta capacidade faz mais sentido quando a gravação é em alta definição).

Suas aplicações incluem streamings em HD para o Facebook, YouTube e outras plataformas usando as configurações RTSP e RTMP, essenciais para eventos corporativos e religiosos; conexões diretas com centrais técnicas sem a necessidade de adaptadores e conversores; além da gravação em padrões muito elevados.

Usando HEVC LongGOP, pode-se gravar a 3840×2160 60P, com 4:2:0 e 10bit, em uma taxa de 200 Mbit/s. Existem mais de 15 combinações entre resolução, amostragem, taxa de bit, frame rate etc, com destaque para o super slow motion em Full HD. Usando os formatos de gravação 422ALL-I ou 422LongGOP, podemos gerar arquivos MOV (AVC) com cavalares 400 Mbit/s. Os sinais podem ser enviados para dois slots de gravação ou para as saídas simultâneas SDI e HDMI.

Já o sensor 4K MOS Tipo 1.0 tem sensibilidade f12 e além das capacidade já descritas acima, não ‘cropa’ imagens em câmera super lenta.  Para produções mais sofisticadas, a Panasonic adotou o padrão HLG (Hybrid Log-Gamma) para dar suporte ao HDR (High Dynamic Range).

Essas características dão à AG-CX350 um aspecto de coringa. Pode ser a câmera principal em muitos eventos, pode ser a câmera dois de um documentário e também pode ser a câmera que as equipes de reportagem levam para a rua sem grandes preocupações: Grava nos padrões mais altos do mercado e pode ser conectada a qualquer rede Ethernet para entrar ao vivo. A disponibilidade do NDI|HX ainda dá a central técnica acesso remoto a diversas configurações e comandos, como o aviso de tally.

%d blogueiros gostam disto: